Pedido

BOAS LEITURAS!!!

terça-feira, 6 de maio de 2014

FALTA DE TEMPO E UM ATÉ JÁ...

Boa noite,
Como já devem ter reparado, o blog anda muito parado e eu não tenho dado notícias absolutamente nenhumas. Tal deve-se à minha falta de tempo, dando outras prioridades de momento.
Como tal, resolvi parar o blog por tempo indeterminado, regressando quando achar pertinente.
Lamento imenso por não poder continuar o trabalho, mas prefiro deixar-vos sem esperanças de terem alguma novidade da minha parte.
Até qualquer dia,
                           Joana Neves


domingo, 23 de fevereiro de 2014

The Inn At BoonsBoro Trilogy - “The Perfect Hope” de Nora Roberts

Nº de páginas: 370 
Preço (Fnac): 12,75€ 
Ano de lançamento: 2012 

“The Montgomery brothers have been the talk of Boonsboro ever since they decided to renovate the old inn into na intimate and handsome new bed and breakfast. 
Beckett and Owen have both found love in the process, but what of Ryder, the third Montgomery brother? Can the Inn Boonsboro weave its magic one more time? 

Ryder is the hardest Montgomery brother to figure out – with a tough-as-nails outside and possibly nothing too soft underneath. He’s surly and unsociable, but when he straps on a tool belt, no woman can resist his sexy swagger. No one, that is, except Hope Beaumont, the manager of his own Inn Boonsboro. Hope may not be perfect, but could she be the perfect match for Ryder…?” 

O meu comentário: 

E mais uma trilogia chega ao fim :’( 
Pois é, como tinha dito, é no que dá a pressa… Uma pessoa só quer ler e ler e depois chega à última página e fica triste porque acabou. 
Depois destas três obras posso dizer que gostei muito desta trilogia, trazendo-nos Roberts, mais um vez, todos os pontos a que nos tem habituado e nos tem deixado rendidos. 
Nesta última obra temos um casal que deixa o leitor muito curioso com o seu relacionamento, visto que são como o cão e o gato, imaginando a situação um pouco como uma relação amor-ódio. Contudo, a Nora surpreendeu-me, presenteando-me com um enredo um pouco diferente do que estava à espera. 
Por outro lado, temos o desenrolar da história de Lizzy e Billy. Algo totalmente triste e muito romântico que nos deixa irritados com as injustiças da vida e felizes com a força do seu amor. 
Em relação à descoberta da identidade do “desaparecido” posso só dizer que não fui enganada e já estava a contar com algo do género. 
Quanto aos outros casais posso dizer que vão ter excelentes notícias – Clare não está grávida de 1, mas sim de 2 rapazes :o Vai ser mesmo uma família interessante… Uma casa com 5 rapazes… Ai o que lhes espera na altura da adolescência :D
Para além destes pontos românticos e muito felizes, também posso dizer que temos alguns momentos dramáticos como a visita daquele que feriu o orgulho de Hope, sendo contudo o verdadeiro responsável pela sua actual residência e felicidade. 
Algo que chegou ao fim e que me proporcionou bons momentos, tendo-me deixado presa até à última página com o intuito de saber mais e mais… 
Também posso deixar assente que a escrita de Roberts está cada vez melhor, tendo-me conquistado em todos os trabalhos com que tenho tido contacto – Trilogia do Círculo, Signo dos Sete, Quarteto das Noivas… 
Por isso mesmo estou em pulgas com a sua nova trilogia. Vai é demorar um pouco porque a carteira não estica :( Lá se vai o tempo em que eram uns atrás dos outros… 
Boas leituras e já sabem – para quem gosta do género – recomendo SEMPRE Nora Roberts ;)

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

The Inn At BoonsBoro Trilogy - “The Last Boyfriend” de Nora Roberts

Nº de páginas: 383 
Preço (Fnac): 12,25€ 
Ano de lançamento: 2012

“Owen Montgomery is a busy man, working day and night with his brothers to build na intimate bed and breakfast in their hometown. Owen’s compulsive list making and attention to detail have ensured it will open right on Schedule. The only thing Owen didn’t plan for was Avery McTavish, his first girlfriend, whose pizza place is right across the street… 
The opening of the inn gives the whole town a reason to celebrate. But Owen’s hard work has only just begun. Getting Avery to let down her guard is going to take longer than he expected – and so will getting her to realize that her first boyfriend is going to be her last” 

O meu comentário: 

Olá a todos! Estou de volta, cheia de sono por ter ficado a ler até tarde, mas essa é outra história… 
Realmente foi-me um pouco estranho ler esta obra muito tempo depois de desfrutar da primeira, já não me lembrando de alguns pormenores. Contudo, não foi difícil entrar novamente no enredo, reconhecendo as personagens e reenquadrando-me na cidade e nesta grande família. 
Segundo o que me lembro, fiquei muito rendida a «The Next Always» e a Beckett e Clare, e esta obra não foi excepção. Um enredo um pouco diferente do que estava à espera, mas que acabei por apreciar. 
Como se bem apercebe pela sinopse, os protagonistas já se conhecem há muito tempo, vendo-se como irmãos, apesar de terem tido um namorico na sua infância, tendo mesmo Avery informado Owen de que este seria o homem com quem se iria casar (que fofo ^.^ ). E claro, esta não poderia estar mais certa! 
Com a ajuda do fantasma do B&B, que estão prestes a concluir, os dois velhos amigos acordam para a vida e apercebem-se que afinal sentem um certo desejo por aquela pessoa que tanto admiram e com quem se preocupam. A partir daí são vários momentos a que Roberts nos tem habituado – o início de uma relação, os receios e inseguranças não querendo destruir uma amizade que dura muitos anos, o aperceber de que afinal este envolvimento é muito mais do que uma simples atracção e um certo carinho e admiração… 
Para além destes pontos também temos presentes momentos muito divertidos – o relacionamento de duas pessoas mais velhas que vai chocar os rapazes, algo relacionado com um teste de gravidez ; dramáticos – a visita de uma personagem desaparecida que choca Avery – ; românticos – o casamento de Beckett e Clare, o criar de uma família, o final do livro entre Owen e Avery … 
Para além disto ainda temos a pesquisa da identidade de Lizzy, o fantasma que “assombra” a sua construção dos olhos dos Montgomery, o que parece estar relacionado com Hope (por acaso estou curiosa para ver o que vai sair daí ;) ). 
Uma obra que recomendo e que me criou bons momentos, apesar de ser a culpada pelo meu estado sonolento (mas isso neste caso até é bom, visto que não descansei até a acabar, apesar de ter aulas de manhãzinha no dia seguinte). 
Boas leituras e vou já a correr ler «The Perfect Hope». 
Ainda me vou arrepender de despachar isto tão depressa… Depois, para além de acabar a trilogia fico sem livros em formato papel para ler :/ 
Chorem comigo…

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Série Divina - “Divina por Engano” de P.C. Cast

Nº de páginas: 432 
Preço (Bertrand): 17,76€ 
Editora: Saída de Emergência 
Ano de lançamento: 2013 

“Shannon Parker é uma professora de Inglês a aproveitar umas muito merecidas férias de verão. Ao fazer compras, encontra um antigo vaso com a figura de uma deusa celta muito parecida consigo. Shannon compra o vaso, mas nem sonha na aventura em que se irá meter. 
Sem saber como, vê-se, de súbito, transportada para Partholon, onde assume o papel de Rhiannon, a Sumo-Sacerdotisa de Eponina. E apesar de todas as regalias e do tratamento de luxo - qual a mulher que não gosta de receber uns mimos? - ser deusa envolve um casamento ritual com um centauro e lutar contra os fomorianos, criaturas maléficas que tudo farão para travar o regresso da verdadeira deusa. 
Conseguirá Shannon livrar-se deste sarilho e arranjar alguma forma de regressar a casa sem acabar morta, casada com um cavalo ou enlouquecida? É que ser divina, afinal, não é um mar de rosas!” 

O meu comentário: 

Como qualquer jovem adulta que se deixou levar pelo mundo dos vampiros, conheço Cast já há algum tempo, tendo começado a ler a série Casa da Noite. Contudo, com o tempo fui achando a história cada vez mais ridícula e um pouco aborrecida não saindo do mesmo, passando a outras leituras e tendo-a abandonado esperando mais tarde retomá-la. 
Todavia, quando me encontrava no estrangeiro deparei-me com outra colecção da autora dando-lhe uma nova oportunidade. Dessa forma tive contacto com um lado diferente desta escritora, passando a achar que nem é nada má, tendo gostado imenso do trabalho que fez com «Goddess Summoning Series». Ainda por cima gosto imenso da cultura grega e romana. 
Agora resolvi começar esta nova série que nos é trazida pela SDE na esperança de encontrar algo semelhante. E tal até acabou por acontecer. 
Se este livro fosse englobado na saga anterior nem se notaria a diferença – uma mulher do nosso tempo que é transportada para um mundo mitológico que pensava só existir nos seus livros de História e Mitologia. Para além disso toma o lugar de uma Sacerdotisa e apaixona-se pelo “homem” que lhe estava destinado. 
Falando em homem, realmente o que me fez impressão nesta obra é a verdadeira identidade de ClanFintan – um centauro. Tudo bem que ele pode mudar temporariamente de forma para um humano, mas todas as passagens em que se encontra na sua verdadeira forma e está com a jovem não foram muito aceitáveis pela minha imaginação. Realmente é um pouco estranho. Já para não falar do que se tratará o seu próprio filho. 
Tirando isso até é uma obra interessante que nos dá a conhecer um mundo diferente do nosso, apesar de não nos ensinar muito sobre a deusa em que é centrado e a sua sacerdotisa. 
Porém, os momentos na sua companhia até valem a pena. Vamos a ver é se posso dizer o mesmo das restantes obras. Já ouvi umas opiniões da 2ª obra que me deixam um pouco receosa do que vou encontrar em seguida. Só o tempo e a leitura é que o dirá. 
Boas leituras e bom fim-de-semana! Espero que o sol tenha vindo para ficar! 

“Cast é uma fabulosa contadora de histórias que conseguiu tornar Partholon um mundo fascinante, bem concretizado e com personagens cativantes” 
Fresh Fiction 

Aqui poderá aceder a um excerto da obra

sábado, 15 de fevereiro de 2014

“No Limiar do Desejo” de Eve Berlin

Nº de páginas: 260 
Preço (Bertrand): 15,90€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2014 

“Enquanto advogada, Kara Crawford sabe guardar segredos, especialmente depois de um ex-namorado a rejeitar após ela lhe confessar os seus desejos sexuais mais ocultos. Kara já desistiu de encontrar alguém capaz satisfazê-la na intimidade (o seu gosto por BDSM), até que passa uma das noites mais maravilhosas da sua vida com alguém que sempre admirara de longe. 
O dominador sexual Dante de Matteo conheceu Kara no secundário mas nunca imaginou que as suas fantasias sexuais coincidissem plenamente com as dela. Os dois amantes não esperam que aquilo vá para além de uma noite, mas quando Dante começa a trabalhar no mesmo escritório que Kara, têm de lidar diariamente com a química sexual entre ambos. 
Enquanto um profundo desejo os aproxima, o medo pode acabar por separá-los para sempre, a não ser que aprendam a lidar com a dor e o prazer do amor.” 

O meu comentário: 

Estou de volta com mais um comentário :D 
Lembram-se de «De Olhos Fechados», a primeira obra da autora protagonizada por Alec e Dylan? Se gostaram de Alec com certeza agora iram apreciar Dante, o seu melhor amigo com quem já temos algum contacto nesse mesmo livro. 
Agora «No Limiar do Desejo» deparamo-nos com um grupo de amigos já dos tempos do secundário que se voltam a reencontrar depois de terem seguido caminhos diferentes antes da formatura. Muito tempo passou, mas uma coisa é certa, a atracção que sentiam na altura não deixou de existir, acabando, desta vez, por se envolverem sexualmente, tornando-se tal relação, a pouco e pouco, em algo inesperado que nenhum deles desejava ao início. 
Uma obra que apreciei e que me proporcionou alguns bons momentos e que me deixou com vontade de ler mais algum trabalho desta autora. 
Uma coisa que não gostei muito foi do facto do relacionamento de Kara e Dante decorrer de uma forma semelhante ao de Dylan e Alec – envolvem-se, as coisas começam a ficar sérias, “chateiam-se” e depois, no fim, o protagonista vence os seus receios e vai a casa da jovem expressar-lhe os seus sentimentos, ficando os dois felizes. 
Também, hoje em dia qual é o livro do género que não se regue pelos mesmos pontos? Pois é, é mesmo verdade…. 
De qualquer forma não deixamos de ler e de gostar dos livros ;) 
Beijocas e boas leituras! 

“Renda-se ao prazer e liberte-se” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

Saga de Gabriel - “A Redenção de Gabriel” de Sylvain Reynard

Nº de páginas: 464 
Preço (Bertrand): 17,70€ 
Editora: Chá das Cinco 
Ano de lançamento: 2014 

“O professor Gabriel Emerson abandonou o seu cargo na Universidade de Toronto e está prestes a iniciar uma nova vida com a sua amada Julianne. Está confiante de que ambos poderão enfrentar qualquer desafio. E está desejoso de se tornar pai. 
Mas a licenciatura de Julia ameaça os planos de Gabriel que a vê subjugada pelas pressões de estudante. Quando é concedida a Julianne a honra de fazer uma apresentação académica em Oxford, começam a formar-se nuvens negras sobre o casal. E em Oxford, um velho inimigo está disposto a tudo para humilhar Julia e expor um dos segredos mais negros de Gabriel. 
Numa tentativa de confrontar os seus últimos demónios, Gabriel procura descobrir mais sobre as suas origens, iniciando uma série de eventos que terão um enorme impacto em si, em Julianne e na sua esperança de formar uma família. Conseguirá ele redimir-se do passado e obter a paz e felicidade que tanto deseja?” 

O meu comentário: 

E estou de volta e, desta vez, com uma obra de que já estava à espera há muito tempo. Depois de «O Êxtase de Gabriel» me ter deixado em pulgas com os casamento e a vida em comum dos protagonistas, queria mesmo saber o que Reynard nos ia trazer a seguir, e assim me veio para às mãos esta obra. 
Um livro que gostei imenso, mantendo-se no rumo dos anteriores trazendo-nos diversos momentos e assuntos variados. 
Assistimos a um Gabriel totalmente diferente, que nos vem a surpreender com a sua força e o seu amor, chegando a enfrentar os seus maiores medos – o seu passado - com o intuito de saber o que os seus genes contêm, já que está interessado em “plantar” o seu filho no ventre de Julia. 
Por outro lado, temos uma Sra. Emerson insegura, achando-se egoísta por não se sentir preparada para dar ao seu marido o filho que este tanto deseja. Dessa forma, encontra-se divida entre o seu futuro académico e familiar. 
Para além deste casal que acaba por ter uma surpresa, temos ainda presentes as suas famílias com os seus problemas e os seus dramas – uns engravidam e outros não o conseguem tão facilmente :/ Também reencontramos velhas personagens como Paul, Christa e o ex-namorado de Julia que parece tentado a mudar. 
Uma trilogia que infelizmente chega ao fim, deixando-nos cheios de vontade de saber mais em relação ao futuro das personagens. SPOILERS Detesto quando as protagonistas têm filhos e assim e as séries acabam antes de conhecermos os seus maridos como pais! Qualquer mulher adoraria isso :) Não acham? SPOILERS 
Depois de chegar à última página só nos resta guardar esta história na nossa mente e estante voltando a esta sempre que nos apetecer. Para mim esta trilogia e esta autora valem mesmo a pena! 
Boas leituras e divirtam-se! 

“Uma sofisticada história de amor que irá tocar para sempre a alma, o corpo e a mente do leitor” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens) 

Aqui poderá aceder a um excerto da obra

Série Midnight Breed - “Sombras da Meia-Noite” de Lara Adrian

Nº de páginas: 364 
Preço (Bertrand): 14,90€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2013 

“Num deserto gelado mergulhado na escuridão, as linhas entre o bem e o mal, amante e inimigo, nunca são pretas ou brancas, mas desenhadas em tons de meia-noite. Algo inumano surgiu nos confins gelados do Alasca, deixando uma carnificina indizível na sua esteira. Para a piloto Alexandra Maguire, os assassínios trazem recordações de um evento horrível que ela testemunhou em criança e evocam uma inexplicável sensação de alteridade que há muito tempo sentia dentro de si mesma, mas nunca compreendera totalmente… até que um desconhecido sedutor e sombrio com os seus próprios segredos entra no seu mundo. Enviado de Boston para investigar os selvagens ataques e parar a matança, o vampiro guerreiro Kade tem os seus próprios motivos para regressar ao frio e proibitivo local do seu nascimento. Assombrado por uma vergonha secreta, Kade logo percebe a verdade surpreendente da ameaça que enfrenta, uma ameaça que porá em perigo a frágil união que formou com a corajosa e determinada jovem que desperta em si as paixões mais profundas e os anseios mais primários. Porém, ao trazer Alex para o seu mundo de sangue e trevas, Kade deverá enfrentar os seus demónios pessoais e o mal ainda maior que pode destruir tudo o que ele mais ama” 

O meu comentário: 

Boa noite a todos! Parece que estou de volta… Tenho mesmo de pôr os comentários em dia… Faço e leio 2 ou 3 livros :/ 
Então aqui estou para vos apresentar a obra mais recente de Adrian publicada pela Quinta Essência. 
Segundo me lembro da minha opinião na altura, achei esta 7ª obra da série interessante, apesar da autora já não me cativar tanto quanto no início. É o que dá quando as colecções começam a esticar-se. Para uma autora continuar a cativar totalmente os leitores precisa de inovar um pouco, não deixando de possuir os ingredientes que cativam os seus admiradores. 
Por outro lado, o casal protagonista, apesar de ser aceitável, já se torna um pouco cliché – Kade, um vampiro com alguns problemas, sendo neste caso os seus poderes e o seu irmão gémeo; Alexandra, uma companheira de sangue que não sabe desse facto, só o descobrindo quando se sente atraída pelo estranho visitante. 
Mais uma vez temos um casal que não se conhece e que sente uma extrema atracção a partir do primeiro momento, acabando, pouco tempo depois, por não ceder a esse desejo, apercebendo-se de que uma relação entre ambos será muito mais difícil do que aparentemente seria. 
Apesar de todas estas queixas, não deixa de ser uma boa companhia nestes dias tão chuvosos em que só apetece estar no sofá ou na cama cobertos com cobertores. 
Vamos a ver é se nos próximos volumes já temos mais novidades e uma história um pouco diferente. 
Até já e boas leituras! 

“O beijo dele prometia a eternidade…” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Série Notorious - “O Êxtase” de Nicole Jordan

Nº de páginas: 384 
Preço (Bertrand): 16,60€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2014 

“Depois de ver a mãe consumir-se e perder tudo por um amor não correspondido, Raven jura a si mesma que só casará para recuperar a posição social da família. O único capricho que se permite é sonhar com um amante, um pirata que só existe nos seus sonhos e que a preenche de amor e paixão. Porém, quando rebenta um escândalo em torno da sua pessoa, é obrigada a aceitar a proposta de casamento do dono diabolicamente sensual do mais famoso clube de jogo de Londres. Apesar de se sentir irresistivelmente atraída pelo seu enigmático salvador, Raven lutará para resistir ao novo marido, um homem cujas carícias prometem um êxtase para além das suas fantasias mais loucas. 

Para salvar a reputação de uma jovem inocente a quem o irmão estava prestes a arruinar a vida, Kell Lasseter sacrifica a sua liberdade para casar com a deslumbrante debutante. Desprezado pelo seu sangue irlandês e passado obscuro, Kell não pode negar que aquela encantadora mulher temperamental não se parece nada com as outras jovens da sociedade... nem sufocar o seu ardente desejo por ela. Dividido entre a lealdade para com o irmão e os crescentes e novos sentimentos pela sua esposa rebelde, Kell tentará libertar o coração relutante de Raven antes de poder conhecer o êxtase do verdadeiro amor.” 

O meu comentário: 

Estou de volta e desta vez com uma obra acabadinha de ler :D 
Um livro que achei interessante e que nos traz, mais uma vez, um casal e a sua cota parte de problemas. 
Raven – a sua verdadeira identidade como bastarda, a expulsão da sua mãe da sociedade, a sua promessa no leito da morte da sua progenitora… Kell – as suas origens, o seu passado e os problemas com o tio e irmão, a sua casa de jogo… 
Duas personagens bem diferentes, mas ao fim e ao cabo semelhantes, sendo primogénitos de relações não aprovadas pela sociedade inglesa, que acabam por se conhecer em situações muito estranhas – no decorrer do rapto da jovem noiva no dia do seu casamento pelo irmão de Lasseter. A partir desse momento, estes acabam por seguir um caminho comum acabando por criar laços, tendo unicamente receio de fazer algo que nunca desejaram – apaixonar-se, desejando só ter um casamento de conveniência. Contudo, não me parece que tal vá acontecer. [Não é sempre assim?] 
Uma obra que recomendo e que nos deixa intrigados com o que irá acontecer em seguida. 
Gostei do casal protagonista, das suas personalidades, das adversidades que os rodeavam, da óbvia atracção existente entre estes… 
Outra coisa que achei piada foram os reais sonhos de Raven. Realmente é interessante esta sonhar com um pirata que “acabará” por se tornar no seu marido. Realmente as mulheres daqueles tempos não era lá muito santinhas… É como se diz – o proibido é o mais apetecível. 
Uma obra e uma autora que até tenho gostado recomendando a sua leitura. 
Vá, vão lá fazer companhia aos vossos livrinhos. Boas leituras! 

“Uma paixão escaldante que não pode ser domada…” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

“O Protector” de Madeline Hunter

Nº de páginas: 288 
Preço (Bertrand): 16,90€ 
Editora: Edições ASA
Ano de lançamento: 2011 

“Numa terra sem lei, devastada pela guerra e pelas pragas, Morvan Fitzwaryn, um cavaleiro errante, faz jus à sua honra e protege os mais fracos. 
Habituado a ser o melhor, o mais forte, o mais temido, não esperava vir a conhecer um guerreiro cujas qualidades de combate rivalizassem com as suas. Quando se encontram pela primeira vez, é Morvan quem precisa desesperadamente de ajuda. De espada na mão e porte altivo, o guerreiro a quem ficará a dever a vida é, surpresa das surpresas, uma mulher! 
Em pouco tempo, a imbatível Anna de Leon torna-se no único prémio digno de ser conquistado... e o único que Morvan não consegue arrebatar.” 

O meu comentário: 

Boa tarde a todos! Como vão as vossas leituras? 
Aqui estou de regresso com mais um comentário… 
Madeline Hunter? O que será que vos posso dizer sobre esta autora que não seja já do vosso conhecimento? Sinceramente não sei… Uma romancista histórica que nos traz sempre enredos interessantes localizados na Grã-Bretanha e esta obra não é excepção. 
Em «O Protector» temos presente uma protagonista incomum no seu tempo, sendo o que actualmente se designaria por maria-rapaz. Anna não tem problemas em partir para o campo de batalha com os seus, de tudo fazer para salvar o seu povo, mais propriamente os mais desprotegidos. 
Por outro lado, temos Morvan, um cavaleiro deveras interessante [se me percebem meninas ;) ] que logo se interessa pela bela mulher tão fora do comum, querendo conquistar o seu coração. 
Como em qualquer história da época, também temos presente o vilão que tem interesse na rapariga, o casamento “forçado” dos protagonistas sem quaisquer juras de amor… O usual… 
Contudo, não deixei de gostar desta obra, admirando o trabalho da autora com um casal tão interessante. 
Uma obra que se lê muito bem e que como já disse é interessante e dá para passar um bom bocado. 
Antes de me despedir só peço desculpa por um comentário tão vago. É o que dá atrasar tanto os comentários depois de ter lido tantos livros em seguida… :/ 
Boas leituras! 

“Anna de Leon é tudo o que Morvan quer. Mas é ela quem comanda no campo de batalha… e está demasiado habituada a dominar para se subjugar à paixão” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Série Bridgerton - “A Grande Revelação” de Julia Quinn

Nº de páginas: 376 
Preço (Bertrand): 16,90€ 
Editora: Edições ASA 
Ano de lançamento: 2014 

“O coração de Penelope Featherington sofre por Colin Bridgerton há… não pode ser!?? ...mais de dez anos? Sim, essa é a triste verdade. Dez anos de uma vida enfadonha, animada apenas por devaneios apaixonados. Dez ingénuos anos em que julga conhecer Colin na perfeição. Mal ela sabe que ele é muito (mesmo muito) mais do que aparenta… 
Cansado de ser visto como um mulherengo fútil, irritado por ver o seu nome surgir constantemente na coluna de mexericos de Lady Whistledown, Colin regressa a Londres após uma temporada no estrangeiro decidido a mudar as coisas. Mas a realidade (ou melhor, Penelope) vai surpreendê-lo… e de que maneira! Intimidado e atraído, Colin vai ter de perceber se ela é a sua maior ameaça ou o seu final feliz. 
ps: este livro contém a chave do segredo mais bem guardado da sociedade londrina.” 

O meu comentário: 

E agora é mesmo altura de pôr a séries em dia… 
Na verdade, já tinha lido a última obra de Quinn há muito tempo e já não em lembrava muito bem da personagens [é o que dá o extenso tempo entre publicações mas temos de compreender o facto]. Contudo, aos poucos lá me fui inteirando da situação e foi muito fácil acompanhar a história que se desenrolava. 
Nas obras anteriores, facilmente nos apercebemos do “carinho” que Penelope tem a Colin, ficando muito magoada pelo relacionamento existente entre eles – nenhum, ou sendo mais exacta, um amizade praticamente fraterna – e pelo facto de este a olhar com pena da situação em que se encontra – uma solteirona que não é aceite pela sociedade e que não consegue chamar à atenção de nenhum homem. 
Todavia, as coisas estão prestes a mudar quando este regressa de mais uma das suas ausências. Como em muitas outras obras existe o tal clique que faz com que de repente o protagonista passe a ver a jovem em causa com outros olhos apercebendo-se da sua verdadeira beleza, tanto interior como exterior, ficando até perturbado por estes novos sentimentos. 
Para além de toda esta história em volta deste casal inimaginável, temos ainda o mistério da verdadeira identidade de Lady Whistledown, que acaba por ser um tema mesmo central, tratando-se até do que acaba por unir os dois amigos. 
Uma obra que apreciei e que até me acompanhou neste dia tão gelado [isto é daquelas alturas em que apetece fugir da casa da “mamã” e voltar para o quentinho de Faro. É que o tempo não tem mesmo nada em comum! Só de pensar que no fim-de-semana passado saí à rua de top com um casaco de malha fininho… Nem parece que estamos no mesmo país!]. 
Uma autora que tenho vindo a gostar de ler e continuarei a acompanhar. Ao fim e ao cabo ainda só tivemos as 4 primeiras letras do abecedário, faltando as seguintes [quem já leu alguma das obras da série sabe a que me estou a referir. Quem ainda não o fez deixo só a pista que a família aqui retratada segue uma tradição interessante – os seus filhos recebem o seu nome consoante o abecedário. Vamos a ver, já tivemos Daphne, Anthony, Benedict e agora Colin] 
Boas leituras! 

“Uma série com a graça de Bridget Jones e a emoção de Friends” 
Times

Trilogia Sem Fôlego - “Fogo” de Maya Banks

Nº de páginas: 400 
Preço (Bertrand): 16,60€ 
Editora: Bertrand Editora 
Ano de lançamento: 2014 

“Gabe, Jace e Ash: três dos homens mais ricos e mais poderosos do país. Estão habituados a conseguir tudo aquilo que querem. Tudo mesmo. Para Ash, trata-se de uma mulher submissa que o faz esquecer todas as outras... 
No que toca ao sexo, Ash sempre gostou de explorar o seu lado mais radical. Exige dominar e prefere as mulheres que gostam das coisas assim. Até mesmo as que partilha com o melhor amigo, Jace. Mas Jace envolveu-se com uma mulher que não quer partilhar. E agora até Gabe, o amigo dos dois, assentou numa relação com uma mulher que lhe dá tudo aquilo de que ele necessita, deixando Ash a sentir-se inquieto e frustrado. É então que Ash conhece Josie, que parece ser imune aos encantos e à riqueza dele. Intrigado, dá início a uma perseguição inabalável, determinado que está a não a deixar escapar.” 

O meu comentário: 

E pronto, mais uma trilogia chega ao fim. Realmente os livros desta categoria são publicados num instante… 
Vamos lá… Como bem sabem fiquei cativada por esta trilogia graças ao primeiro volume onde nos deparávamos com um casal já velho conhecido, sendo ainda por cima, o elemento masculino (Gabe) o melhor amigo do irmão da protagonista. Na verdade, os seguidores mais atentos já devem ter começado a perceber que adoro obras que tenham presentes situações do género – não é por acaso que uma das minhas obras favoritas é «Jogo de Mãos» da Nora Roberts, assim como adoro a série o Quarteto das Noivas da mesma autora. 
Agora, voltando ao assunto que aqui me traz: 
Depois de termos presenciado o surgimento de grandes paixões em Gabe e Jace, agora é a vez de Ash. Ao ler a obra anterior confesso que fiquei curiosa em relação ao que a autora reservava para este último protagonista, principalmente devido à sua estranha ligação com Jace e ao facto de se ter sentido abandonado quando este acabou por criar laços com Bethany. 
Agora, depois de ter lido «Fogo», posso dizer que não fiquei nada desiludida com o trabalho da escritora, tendo apreciado Josie e o enredo que criou à volta deste casal. 
Só lamento foi ter terminado, não nos deixando saber mais sobre o futuro dos 3 casais que acabamos por acompanhar e conhecer, tanto os restante como este agora formado – ainda por cima gostaria imenso de ver cada um deles como pais, então só de me lembrar que Josie queria MUITOS filhos… Seria mesmo engraçado! [Realmente não percebo qual o preconceito do(a)s autore(a)s não nos deixaram ou assistir aos casamentos ou nascimento dos filhos e à vida como uma família. É das coisas que mais me irrita!!! Ainda por cima homens destes como pais… ^.^ ] 
Uma trilogia que recomendo e que acho que vale a pena o tempo despendido. Não é maçuda; é interessante; tem BONS protagonistas [se é que percebem meninas ;) Realmente este grupo de amigos é um atentado… Estas escritoras só nos querem matar de ataque cardíaco!]; traz-nos variados assuntos como vícios e violência para com as mulheres; devora-se num fôlego [nome bem escolhido ah? xD] e trata-se de uma boa companhia num serão, durante o fim-de-semana ou em qualquer outra altura; entre tantas outras coisas. 
Boas leituras e até à próxima [que não deve ser daqui a muito tempo… Hoje disse que tinha 7 comentários para escrever, acabei este mas já tenho outro livro a acrescentar à lista que acabei de ler à pouco]. 

“Ele é um predador nato à espera de se tornar presa de alguém…” 

NOTA: Informo todos os leitores que esta obra pode conter conteúdo sexual que pode ferir a sensibilidade de algumas pessoas. Se se acha preparado para desfrutar das suas páginas a responsabilidade é sua (dirigido aos mais jovens)

“As Vinhas do Amor” de Roisin McAuley

Nº de páginas: 319 
Preço (Bertrand): 15,90€ 
Editora: Quinta Essência 
Ano de lançamento: 2012 

“Moonbeam Star, conhecida pelos amigos como Melanie, é filha de um casal hippy. O pai esqueceu-se de regressar de Woodstock e a mãe partiu para se encontrar, portanto, Melanie foi criada pelos avós. 
Agora na casa dos vinte, Melanie estuda e trabalha num estabelecimento vinícola na Califórnia. Quando o avô tem um ataque cardíaco, revela um segredo que guardou desde que o seu avião foi abatido sobre a França durante a Segunda Guerra: teve um filho com a rapariga que o salvou. A criança era um rapaz e Melanie fica intrigada com a existência desse tio francês e parte à sua procura. 

Em Inglaterra, a jovem irlandesa Honor Brady apaixona-se por Hugo, um comerciante de vinhos, que a leva para o seu castelo em Astignac, na zona vinícola de Entre Deux Mers
Hugo vende vinhos raros a connoisseurs; vinhos com história; vinhos escondidos durante a guerra; vinhos salvos do Palácio de Inverno em Sampetersburgo… e Honor é deixada sozinha, o que a leva a conhecer Didier, cuja família outrora foi dona do château de Hugo e está ligada ao tio de Melanie. 

À medida que as vidas das duas mulheres se sobrepõem, é descoberta uma teia de de mentiras que se estendeu durante décadas” 

O meu comentário: 

Bom dia a todos! Estou de volta e prometo que vou pôr os meus comentários em dia… [Só de pensar que tenho 7 em atraso -.- ] Então vamos lá...! 
No verão andei a pesquisar livros que me levassem a outra paragens mundiais, já que certamente acabei por não viajar para lado nenhum, sempre era bom partir, “à borla” para outra região do mundo. E pronto, lá me deparei com esta obra. 
Depois de a ter conseguido ler esta semana, depois de um mês muito atarefado e cansativo, admito que fiquei desiludida com o que encontrei. 
Ao lermos a sinopse ficamos com uma ideia completamente diferente da história e podemos mesmo considerar que algumas informações aí referidas não são puramente verdade, tendo sido redigidas de forma a criar mais suspense e a deixar-nos às escuras. 
Também posso referir considero que a história demora um pouco a desenvolver-se. Quando chegamos às últimas páginas ficamos: isto acaba assim? Mas acho que merecemos mais! 
Realmente uma pessoa praticamente nem conhece os dois casais formados – só para as últimas páginas é que acabam por se formar – um deles nem era preciso tanto já que as personagens são velhas amigas, mas o outro é um pouco estranho, eles acabam de se conhecer… 
Por outro lado, venho a dizer que quem gosta e/ou percebe de vinhos achará interessante a sua presença nesta obra. Eu como não aprecio mesmo nada esta bebida até fiquei um bocado irritada ao ler as descrições dos cheiros e sabores que se podem encontrar numa simples garrafa. Toranja, canela e coisas assim? Desde quando? A mim só me sabe a álcool o que o torna numa bebida muito intragável. 
Pode ser que daqui a uns anos mude de ideias ou que realmente encontre algum vinho que acabe por me adoçar o paladar. 
Apesar das críticas referidas, posso dizer que até nem é um mau livro e muita gente diz que gosta do enredo, eu senti-me foi um pouco enganada graças à sinopse, mas não deixa de ser uma história interessante que até se lê muito bem. 
Boas leituras e até já! [Vou passar para o próximo o.O] 

“McAuley, que foi considerada a nova Maeve Binchy, tem um talento especial para criar histórias sumarentas, com personagens convincentes e originais” 
France Magazine

DISPONÍVEL - "Hotelle: Quarto 2" de Emma Mars

"Um ano depois de Elle ter abandonado a vida de acompanhante de luxo e ter feito a sua escolha, o corpo e o coração apontam numa única e inevitável direcção: Louis, o irmão do seu ex-noivo David e o único homem que conseguiu ser seu mestre, na vida e na cama. Ao fim de alguns meses como amantes clandestinos no Hotel dos Encantos, Elle sente-se finalmente pronta para dar o próximo passo e pede a Louis que case com ela. Louis contesta que Elle ainda não está pronta e que a sua "formação" deverá continuar. 
Quando Louis começa a agir de forma estranha, Elle percebe que os demónios do passado estão de volta. Decide finalmente assumir o comando do seu próprio destino para descobrir o que esconde realmente Louis e qual é a misteriosa ligação entre Louis e o irmão David, que não desistiu da vingança contra os dois amantes. No meio de tudo isto, qual será o papel de Aurore, a mulher que se assemelha tanto a si? E conseguirá Elle levar Louis a fazer o que realmente quer?"

DISPONÍVEL - "Divina por Escolha" de PC Cast

"Shannon Parker aceitou finalmente a sua vida no mítico mundo de Partholon. As suas responsabilidades divinas são muitas, mas ela ama o seu marido centauro, a sua ligação à deusa Eponina e os pequenos prazeres que a vida lhe dá. Já quase esqueceu a antiga vida na Terra - especialmente ao descobrir que está grávida. Mas uma súbita explosão de poder envia-a de volta para Oklahoma. Sem magia, Shannon não consegue regressar a Partholon - e procura desesperadamente ajuda. Os problemas começam quando essa ajuda surge na forma de um homem tão tentador quanto o seu marido. E só pioram quando descobre que o demónio Nuada também se encontra no seu mundo e ameaça a vida dos seus amigos e familiares. Shannon terá que descobrir uma forma de travar as forças maléficas que a impedem de regressar ao mundo que ama. Afinal ser divina por engano era bem mais fácil do que ser divina por escolha..."

DISPONÍVEL - "A Grande Revelação" de Julia Quinn

"O coração de Penelope Featherington sofre por Colin Bridgerton há... não pode ser!?? ...mais de dez anos? Sim, essa é a triste verdade. Dez anos de uma vida enfadonha, animada apenas por devaneios apaixonados. Dez ingénuos anos em que julga conhecer Colin na perfeição. Mal ela sabe que ele é muito (mesmo muito) mais do que aparenta... Cansado de ser visto como um mulherengo fútil, irritado por ver o seu nome surgir constantemente na coluna de mexericos de Lady Whistledown, Colin regressa a Londres após uma temporada no estrangeiro decidido a mudar as coisas. Mas a realidade (ou melhor, Penelope) vai surpreendê- lo... e de que maneira! Intimidado e atraído, Colin vai ter de perceber se ela é a sua maior ameaça ou o seu final feliz. ps: este livro contém a chave do segredo mais bem guardado da sociedade londrina"

DISPONÍVEL - "Na Sombra da Vida" de J.R. Ward

"Desde a morte da shellan que Tohrment é uma sombra do líder vampiro de outrora. Fisicamente debilitado e profundamente destroçado, foi levado de volta à Irmandade por um anjo caído egocêntrico. De regresso à guerra com um desejo de vingança implacável, não está preparado para enfrentar um novo tipo de tragédia. Quando Tohr começa a ver a sua amada em sonhos - presa num mundo frio e isolado, longe da paz e da tranquilidade do Vápido - aceita a ajuda do anjo, na esperança de salvar quem perdeu. No entanto, como Lassiter lhe diz que tem de aprender a amar outra vez para libertar a sua antiga companheira, Tohr apercebe-se de que estão todos condenados... É nessa altura que uma fêmea com uma história obscura começa a aproximar- -se dele. No cenário da guerra com os minguantes e com um novo clã de vampiros a almejar o trono do Rei Cego, Tohr debate-se entre o passado enterrado e um futuro escaldante e cheio de paixão... mas será capaz de libertar o coração, e a todos eles?"

DISPONÍVEL - "O Êxtase" de Nicole Jordan

"Depois de ver a mãe consumir-se e perder tudo por um amor não correspondido, Raven jura a si mesma que só casará para recuperar a posição social da família. O único capricho que se permite é sonhar com um amante, um pirata que só existe nos seus sonhos e que a preenche de amor e paixão. Porém, quando rebenta um escândalo em torno da sua pessoa, é obrigada a aceitar a proposta de casamento do dono diabolicamente sensual do mais famoso clube de jogo de Londres. Apesar de se sentir irresistivelmente atraída pelo seu enigmático salvador, Raven lutará para resistir ao novo marido, um homem cujas carícias prometem um êxtase para além das suas fantasias mais loucas. Para salvar a reputação de uma jovem inocente a quem o irmão estava prestes a arruinar a vida, Kell Lasseter sacrifica a sua liberdade para casar com a deslumbrante debutante. Desprezado pelo seu sangue irlandês e passado obscuro, Kell não pode negar que aquela encantadora mulher temperamental não se parece nada com as outras jovens da sociedade... nem sufocar o seu ardente desejo por ela. Dividido entre a lealdade para com o irmão e os crescentes e novos sentimentos pela sua esposa rebelde, Kell tentará libertar o coração relutante de Raven antes de poder conhecer o êxtase do verdadeiro amor"

DISPONÍVEL - "A Redenção de Gabriel" de Sylvain Reynard

"O professor Gabriel Emerson abandonou o seu cargo na Universidade de Toronto e está prestes a iniciar uma nova vida com a sua amada Julianne. Está confiante de que ambos poderão enfrentar qualquer desafio. E está desejoso de se tornar pai. Mas a licenciatura de Julianne ameaça os planos de Gabriel que a vê subjugada pelas pressões de estudante. 
Quando é concedida a Julianne a honra de fazer uma apresentação académica em Oxford, começam a formar-se nuvens negras sobre o casal. E em Oxford, um velho inimigo está disposto a tudo para humilhar Julia e expor um dos segredos mais negros de Gabriel. Numa tentativa de confrontar os seus últimos demónios, Gabriel procura descobrir mais sobre as suas origens, iniciando uma série de eventos que terão um enorme impacto em si, em Julianne e na sua esperança de formar uma família. Conseguirá ele redimir-se do passado e obter a paz e felicidade que tanto deseja?"

DISPONÍVEL - "Letting Go" de Maya Banks

"Josslyn found perfection once, and she knows she’ll never find it again. Now widowed, she seeks the one thing her beloved husband couldn’t give her: dominance. Lonely, searching for an outlet for her grief and wanting only a brief taste of the perfection she once enjoyed, she seeks what she’s looking for at an exclusive club that caters to people indulging in their most hedonistic fantasies. She never imagined that what she’d find would be the one man who’s long been a source of comfort—and secret longing. Her husband’s best friend. 
Dash has lived in an untenable position for years: in love with his best friend’s wife but unwilling to act on that attraction. He’d never betray his best friend. And so he’s waited in the wings, offering Joss unconditional support and comfort as she works past her grief, hoping for the day when he can offer her more. 
When he finds her in a club devoted to the darker edges of desire, he’s furious because he thinks she has no idea what she’s getting herself into. Until she explains in detail what it is she wants. What she needs. As realization sets in, he is gripped by fierce, unwavering determination. If she wants dominance, he is the only man who will introduce her to that world. He is the only man who will touch her, cherish her…love her. And the only man she’ll ever submit to"

DISPONÍVEL - "Uma Duquesa em Fuga" de Jennifer Haymore

"Depois de Um Toque de Perversão e Um Toque de Escândalo chega agora o novo livro da autora de top do romance feminino erótico. 
Simon Hawkins, duque de Trent, está habituado aos escândalos. Os rumores e insinuações caíram sobre a Casa de Trent durante décadas, e Simon teve de limpar o nome de família. Vive por um rigoroso código de honra, mas quando tem de investigar o desaparecimento da mãe, o ilustre duque vai também encontrar a tentação, pois depara-se com a única mulher e que amou e que também é a última mulher que devia desejar.
Sarah Osborne passou a vida a sonhar com o toque de Simon. Mas os duques não se interessam por criadas. Sarah acredita que, o beijo roubado despertou uma paixão que pode ser a sua ruína. Mas ao começarem um romance proibido, surgem inimigos dispostos a destruir o duque e tudo o que ele ama. Simon vê-se preso numa teia de chantagem e, enfrenta uma escolha angustiante: sacrificar o futuro da família ou partir o coração de Sara"

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

BALANÇO DE LEITURAS 2013

E mais um ano passou e fico contente em dizer que, apesar de tudo, consegui ler mais livros que em 2012 (88 contra os 80 do ano anterior) e espero que em 2014 se proporcione a leitura de muitos mais.
Posso salientar que também se deveu imenso aos grupos de trocas descobertos no facebook, tendo conhecido novos escritores que me cativaram, salientando-se a autora Luanne Rice.
Como não podia deixar de ser, continuei a acompanhar autoras como a querida Nora Roberts que já tem um local fixo na minha estante. 
Um ano literário que ficou marcado por problemas editoriais com a publicação de Sherrilyn Kenyon, tendo já a SDE / Chá das Cinco anunciado que tal foi ultrapassado e que vêm mais 2 livros a caminho :D.
Por outro lado, também conheci Sylvain Reynard que me cativou com a história de Gabriel e Julia e as referências a Dante e Beatriz. A quem também gostou deste trabalho deixo a terrífica novidade de que este mês vamos ter novidades - o 3º livro chega às livrarias ;)

Vá, não me alongando mais, apresento o meu top 14 de 2013 (a ordem é aleatória):


LIDOS EM 2013

88 - "80 Dias - A Cor da Tentação" de Vina Jackson
87 - "80 Dias - A Cor do Desejo" de Vina Jackson
86 - "A Bibliotecária" de Logan Belle
85 - "De Olhos Fechados" de Eve Berlin
84 - "Pede-me o que Quiseres ou Deixa-me" de Megan Maxwell [brasileiro]
83 - "Pede-me o que Quiseres Agora e Sempre" de Megan Maxwell [brasileiro]
82 - "Pede-me o que Quiseres" de Megan Maxwell
81 - "Irresistível" de J.R. Ward
80 - "Frutos Proibidos" de Sylvia Day
79 - "Porque Somos Um Só" de Beth Kery
78 - "Quando Estou Contigo" de Beth Kery
77 - "Delírio" de Maya Banks
76 - "Escravos do Desejo" de Kate Pearce
75 - "Finale" de Becca Fitzpatrick
74 - "Não te Conto o Meu Segredo" de Samantha Young
73 - "Um Erro Inconfessável" de Emma Wildes
72 - "Segredos de Paris" de Luanne Rice
71 - "Lições de Sedução" de Emma Wildes
70 - "Submissa" de Shayla Black
69 - "O Último Beijo" de Luanne Rice
68 - "Intriga em Monte Carlo" de Elizabeth Adler
67 - "Encontro na Provença" de Elizabeth Adler (relido)
66 - "Bons Sonhos, Meu Amor" de Dorothy Koomson
65 - "Uma Villa em Itália" de Elizabeth Edmondson
64 - "O Casamento do Ano" de Laura Lee Guhrke
63 - "Amor e Enganos" de Julia Quinn
62 - "Peripécias do Coração" de Julia Quinn
61 - "Crónica de Paixões & Caprichos" de Julia Quinn
60 - "Pedra Pagã" de Nora Roberts
59 - "O Verão das nossas Vidas" de Luanne Rice
58 - "Uma Aposta Perversa" de Emma Wildes
57 - "Um Toque de Perversão" de Jennifer Haymore
56 - "Férias em Saint-Tropez" de Elizabeth Adler
55 - "Anna e o Beijo Francês" de Stephanie Perkins
54 - "Uma Morte Súbita" de J.K. Rowling
53 - "Romance na Toscana" de Elizabeth Adler
52 - "Deslumbrante" de Madeline Hunter
51 - "Milagre de Amor" de Eloisa James
50 - "O Beijo Encantado" de Eloisa James
49 - "A Cama da Paixão" de Laura Lee Guhrke
48 - "Fever" de Maya Banks
47 - "Obsessão" de Maya Banks
46 - "Sangue Felino" de Charlaine Harris
45 - "O Toque do Highlander" de Karen Marie Moning
44 - "Sedução" de J.D. Robb
43 - "Na Sombra do Perigo" de J.R. Ward
42 - "Envolvida" de Sylvia Day
41 - "Os Pecados de Lord Easterbrook" de Madeline Hunter
40 - "O Êxtase de Gabriel" de Sylvain Reynard (relido)
39 - "O Inferno de Gabriel" de Sylvain Reynard (relido)
38 - "Jogos de Sedução" de Madeline Hunter
37 - "Lições de Desejo" de Madeline Hunter
36 - "As Regras da Sedução" de Madeline Hunter
35 - "Emoções Proibidas" de Jess Michaels

34 - "Força do Desejo" de Jess Michaels
33 - "Jogos Perversos" de Shayla Black
32 - "Paixão Sublime" de Lisa Kleypas
31 - "Sedução" de Bella Andre
30 - "Ligeiramente Casados" de Mary Balogh
29 - "Vertigem de Paixão" de Elizabeth Hoyt
28 - "O Êxtase de Gabriel" de Sylvain Reynard
27 - "Wicked" de Sara Shepard
26 - "Viagem a Capri" de Elizabeth Adler
25 - "Um Pequeno Escândalo" de Patricia Cabot
24 - "Refletida" de Sylvia Day
23 - "Casamento em Veneza" de Elizabeth Adler
22 - "Um Verão Inesquecível" de Mary Balogh
21 - "Uma Noite de Amor" de Mary Balogh
20 - "Na Cama com um Highlander" de Maya Banks
19 - "Highlander - O Domar do Guerreiro" de Karen Marie Moning
18 - "O Guerreiro Highlander" de Monica McCarthy
17 - "O Inferno de Gabriel" de Sylvain Reynard
16 - "A Conspiração" de Dan Brown
15 - "Ilusão Perfeita" de Jodi Picoult
14 - "Ritual de Amor" de Nora Roberts
13 - "À Luz da Meia-Noite" de Sherrilyn Kenyon
12 - "Na Sombra do Destino" de J.R. Ward
11 - "Rendida" de Sylvia Day
10 - "Jogo de Mãos" de Nora Roberts (relido)
9 - "Irmãos de Sangue" de Nora Roberts (relido)
8 - "O Desejo" de Nicole Jordan
7 - "A Paixão" de Nicole Jordan
6 - "A Sedução" de Nicole Jordan
5 - "Because You Are Mine Part VIII: Because I Am Yours" de Beth Kery
4 - "Because You Are Mine Part VII: Because I Need To" de Beth Kery
3 - "Na Noite" de Kathryn Smith
2 - "Because You Are Mine Part VI: Because You Torment Me" de Beth Kery
1 - "Because You Are Mine Part V: Because I Said So" de Beth Kery

Top 2013 (2º Semestre)

Como já referi no post anterior, tenho andado muito ocupada e então vou ser muito breve a apresentar as obras que gostei mais daquelas que tive a oportunidade de ter nas mãos no segundo semestre de 2013 (Julho-Dezembro).
Espero que quem as tenha lido também tivesse gostado imenso do que encontrou, pois significa que estamos em sintonia ;)

Foi muito difícil diminuir a lista, por isso têm aqui as 24 obras que mais apreciei:

Irresistível - J.R. Ward
Delírio - Maya Banks
Escravos do Desejo - Kate Pearce
Não Te Conto o Meu Segredo - Samantha Young
Um Erro Inconfessável - Emma Wildes
Lições de Sedução - Emma Wildes
O Último Beijo - Luanne Rice
Intriga em Monte Carlo - Elizabeth Adler
Bons Sonhos, Meu Amor - Dorothy Koomson
O Casamento do Ano - Laura Lee Guhrke
Pedra Pagã - Nora Roberts
                                     O Verão das nossas Vidas - Luanne Rice

Férias em Saint-Tropez - Elizabeth Adler
Anna e o Beijo Francês - Stephanie Perkins
Romance na Toscana - Elizabeth Adler
Milagre de Amor - Eloisa James
O Beijo Encantado - Eloisa James
A Cama da Paixão - Laura Lee Guhrke
Obsessão - Maya Banks
Sedução - J.D. Robb
Envolvida - Sylvia Day
Lições de Desejo - Madeline Hunter
As Regras da Sedução - Madeline Hunter
                                     Emoções Proibidas - Jess Michaels

BOM ANO 2014

Boa tarde a todos os seguidores e visitantes do meu blog.
Lamento imenso ter andado tão desaparecida nos últimos tempos, mas quem é universitário como eu ou quem já passou por esta fase, acho que compreendem totalmente como têm sido os meus últimos dias.
Desde dia 20 de Dezembro ando agarrada aos livros e não são estes que publicito aqui no blog - são uns livros muito maiores, mais pesados, cheios de conceitos que preciso de saber para ser avaliada este mês nos exames de final do semestre.

Desta forma, o tempo reservado para vos desejar umas boas festas e vos apresentar os comentários das duas últimas leituras do ano foi muito escasso, tendo reservado o tempo em que não estava a estudar para necessidades básicas e para aproveitar algum tempinho com a minha família visto que também estou longe e não os vejo tanto quanto gostaria.

Sem mais demoras, mesmo que venha com 10 dias de atraso, desejo-vos um excelente ano de 2014 onde tenham saúde, amor, façam muitas amizades, sejam felizes, não passem dificuldades e realizem os vossos desejos mais profundos.... e claro, leiam muitos livros ;)

Beijos e prometo que a partir de Fevereiro aparecerei mais vezes...

"Os fogos anunciam a chegada de um ano novo! É hora de:
- Refazeres os teus sonhos ainda não realizados e de acreditares que irás concretizá-los;
- Soltares um olhar solidário e aconchegador para os teus amigos e um bocejo para os inimigos;
- Aprenderes com os erros do ano já ido e de brindares ao ano bem vindo com um sorriso;
- Correres ao encontro daquele amor ainda não perdido ou de surpreenderes mais uma vez o amor já conquistado.
Desejo-te um ano repleto de luz, amor, saúde e prosperidade"